Investidos R$ 483,9 milhões em melhorias nos hospitais universitários federais

0
31

Em 2020, a Empresa Brasileira de Serviços Hospitalares (Ebserh), vinculada ao Ministério da Educação (MEC), utilizou R$ 483,9 milhões em melhorias para os hospitais universitários federais da rede.

No ano passado, 82 obras foram concluídas na Rede Ebserh, incluindo reformas e ampliações de espaços assistenciais que atendem diariamente a milhares de usuários do Sistema Único de Saúde (SUS). Entre elas, a entrega do novo Hospital das Clínicas da UFG, em Goiânia (GO). A nova estrutura tem 20 andares e capacidade para 600 leitos de internação. O planejamento da estatal possibilitou, também, a disponibilização de 13 equipamentos de alta tecnologia, que somam aproximadamente R$ 65 milhões investidos na renovação do parque tecnológico das unidades hospitalares.

Foram aplicados 99,9% das verbas repassadas pelo Tesouro Nacional e 99,8% de fontes próprias diretamente arrecadadas – praticamente 100% do que havia sido programado. Para alcançar esse resultado, a empresa adotou o contrato de objetivos no planejamento.

“A sociedade quer uma resposta sobre os impostos pagos, sobre como o dinheiro é aplicado e, principalmente, como isso é revertido para as pessoas. Esse é o papel que o Governo Federal nos delegou por meio da gestão de 40 hospitais universitários federais. Temos a obrigação ética e moral de utilizar bem o dinheiro público e oferecer o melhor possível nas áreas de ensino e saúde, atendendo bem a população ao mesmo tempo em que formamos os melhores profissionais de saúde do país”, declarou o presidente da Rede Ebserh, Oswaldo Ferreira.

 

Com informações do Ministério da Educação

Source: Portal Gov.br