Militares da Policia Militar Russa são atacados na Síria

Militantes da Polícia Militar Russa alocados na província de Daraa, na Síria, foram atacados durante patrulha de rotina nesse sábado (13), disse o major-general Aleksey Bakin, chefe do Centro Russo para a Reconciliação Síria. Não houve vítimas entre os militares.

“Um explosivo improvisado de controle remoto explodiu em 13 de julho de 2019, na rota de patrulhas da polícia militar das Forças Armadas russas na província de Daraa, na República Árabe da Síria”, disse Bakin durante uma coletiva de imprensa.

O ataque aconteceu um dia depois de um outro incidente, quando as defesas aéreas russas na base aérea de Hmeymim abateram três drones lançados por militantes que operavam na zona de segurança de Idlib.

Em setembro de 2018, durante as negociações realizadas na cidade russa de Sochi, o presidente russo Vladimir Putin e o turco Recep Tayyip Erdogan estabeleceram uma zona desmilitarizada em Idlib ao longo da linha de contato entre a oposição armada e as forças do governo.

A província de Idlib, no noroeste, abriga vários grupos, incluindo a Frente Nacional de Libertação, apoiada pela Turquia, e o grupo terrorista Frente al-Nusra. Estima-se que 30 mil militantes, incluindo combatentes mercenários estrangeiros, estejam atualmente operando na região.

  • Com agências internacionais

O post Militares da Policia Militar Russa são atacados na Síria apareceu primeiro em DEFESA TV.


Source: DefesaTV Mundo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *